PITCÃO

A PitCão na Mídia

PitCão na Mídia

Matéria Nucleo Pet

Conheça um pouco do trabalho da Pitcão, que resgata cães de grande porte, em sua maioria pitbulls. Já salvaram mais de 300 pits de situações terríveis, de violência, doenças, maus-tratos, rinhas, abandono.

http://www.nucleopet.com.br/htms/video.asp?id_video=47

http://www.nucleopet.com.br/htms/video.asp?id_video=47

05/10/2009

Matéria Dia a Dia da Band

Jorge Pereira e Taz, o mais famoso Pitbull do Brasil, estiveram ao vivo nesta quarta-feira (19/08) no programa Dia Dia da Bandconversando com Patricia Maldonado sobre a raça Pitbull. Durante a entrevista também foi exibida um matéria sobre o trabalho maravilhoso da equipe da Pitcão.

http://www.nucleopet.com.br/htms/video.asp?id_video=41

19/08/2009

Matéria Arca Brasil

A Infelicidade de nascer Pit Bull - Parte I

http://www.arcabrasil.org.br/noticias/0904_pit.html

09/04/2009

Matéria Arca Brasil

A Infelicidade de Nascer Pit Bull - Parte II

http://www.arcabrasil.org.br/noticias/0905_pit.html

09/05/2009

Matéria Revista da Folha

http://2.bp.blogspot.com/_7-cBDprmO6M/StNPXzYxNpI/AAAAAAAAAE4/IDGKqQYiG-8/s1600-h/revista+da+folha.jpg

09/08/2009

Matéria Revista Claudia de Agosto

 

http://1.bp.blogspot.com/_7-cBDprmO6M/StNO7gsRF9I/AAAAAAAAAEw/p1O9OiAnQ-Q/s1600-h/amigobicho.jpg

01/08/2009

Matéria Blog Me & Au

http://mtv.uol.com.br/meeau/blog/dura-vida-de-um-pitc%C3%A3o

20/08/2009

Adoção da Chiara

Essa reportagem foi ao ar no TV Animal do SBT no dia 12/02/2010, e mostra quanto sofrimento o ser humano pode causar a esses animais, mas como eles são capazes de continuar nos amando!!!

http://www.youtube.com/watch?v=Fsh_MFazU-Q

12/02/2010

Adoção da Chiara 2

A Chiara finalmente encontrou um lar aonde terá todo o amor que merece!!! Parabéns a adotante!!

http://www.youtube.com/watch?v=iDzn-WPYJWs

26/02/2010

PitCão resgata cadela abandonada

PitCão resgata cadela abandonada

05/07/2010

Pitcão no portal G1

O portal G1 da globo.com fez uma matéria mostrando a luta da médica Patricia Cancellara para salvar esses tão discriminados animais.

http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2010/09/medica-negocia-ate-com-traficante-para-resgatar-pit-bulls-em-sp.html

06/09/2010

Reportagem na revista Alamanaque do PitBull

Revista Alamanaque do PitBull

DIÁRIO ABC-LORENZO FILHOTE PARAPLÉGICO NO BLOG

Amigos,a amiga Andrea e Adriana colcocaram a história do Lorenzo no blog,é muito fofo e depois vou passar notícias dele e a evolução da doença ,limitação e relatórios médicos ; acessem,ficou muito fofo;obrigada pela homenagem meninas;bjs Olha o BBzinho no Diário de um Protetor..a carinha dele é linda demais!!!!!!!!!!!!!!!!!!! http://abcdosbichos.blogspot.com/2010/12/diario-de-um-protetor_27.html Patrícia, obrigada por deixar divulgar esse maravilhoso resgate. Dri, obrigada por divulgar essa linda história de amor entre a Patrícia e um dos seus filhos Pit. Patricia, qdo quiser publicar algum resgate, algum pedido de ajuda (sei que precisa de muita ajuda) não é fácil ter mais de 200 Pits sob a sua resposabilidade, por favor, manda pra gente que a Dri publica com todo carinho. Obrigada! Abçs, Andrea.

http://abcdosbichos.blogspot.com/2010/12/diario-de-um-protetor_27.html

28/12/2010

Resgate de Cães vítimas de preconceito

Resgate de Cães vítimas de preconceito, revista Cães&Cia

revista Cães&Cia

01/11/2010

Revista Condomínios

Saiba mais sobre o trabalho dessas pessoas q não medem esforços pra salvar os Pitbulls.

Pitbulls são abandonados e resgatados pela ONG Pitcão.

O abandono também pode ser atribuído ao preconceito sofrido por algumas raças, principalmente de animais que são considerados violentos, segundo a veterinária Tamara Leite Cortez, do Centro de Controle de Zoonoses da Prefeitura de São Paulo.

“É uma coisa cíclica. Um cachorro de grande porte entra na moda e as pessoas compram. Mas esse animal cresce, e as pessoas querem se desfazer dele. Na década de 1970, era o fila brasileiro.

Em 1980, o doberman. Em 1990, o rotweille. E em 2000, foi a vez do pitbull”, afirma a veterinária, comparando a mudança no perfil dos abandonos que chegaram ao CCZ nas últimas décadas.

“O pitbull ainda sofre muito preconceito, mas é uma raça maravilhosa. Por causa desse preconceito, há muito abandono. E, com medo, algumas pessoas agridem os pitbulls abandonados na rua, mesmo que eles não tenham feito nada”, alega a médica Patrícia de Arruda Cancellara, de 41 anos, criadora da entidade privada Pitcão.

Em 13 anos como protetora de pitbulls, Patrícia calcula ter resgatado mais de 500 animais – 250 deles foram encaminhados para adoção; os outros estão divididos em oito canis particulares. “Nunca fui mordida”, declara a médica.

“Sou muito criteriosa na adoção. Investigo a vida da pessoa, entrevisto a família para saber se realmente estão dispostos, se têm outros animais, se vão cuidar bem do pitbull”, diz a médica, que já recusou pessoas interessadas em adotar os cães que resgatou.

Os animais resgatados pela Pitcão passam por tratamento, são adestrados para responder a comandos básicos e são submetidos a um processo de ressociabilização, de acordo com Patrícia. Parte dos pitbulls, segundo ela, foi abandonada após perder brigas em rinhas ilegais que acontecem, principalmente, em favelas.

http://blogs.estadao.com.br/jt-cidades/preconceito-com-racas-tidas-como-violentas-provoca-abandono/

09/05/2012

SOBREVIVENTES

LEIA A MATÉRIA NA INTEGRA!!!

Existe outro grupo especial de "indoáveis". E a médica Patrícia de Arruda Cancellara, 41, o conhece bem.
Há 13 anos, ela só trabalha com um perfil delicado de "excluídos": os pit bulls.
A entidade dela, a Pit Cão, abriga hoje cerca de 260 cães entre filas, rottweilers e "vira-latas pretinhos, velhinhos, ceguinhos, que ninguém quer", diz Patrícia. E, é claro, pit bulls -a maioria deles.
Ela calcula que 99% desses animais tenham sido vítimas de algum tipo de crueldade. Um deles é Lanza, mestiço de pit bull com boxer.
Há cerca de um ano e meio, ele foi resgatado por Patrícia das ruas da periferia de Guarulhos. Quando a médica o encontrou, estava quase morto. "Ele tinha vários machucados profundos no focinho." Contaram cerca de 2.000 larvas na face do cão. Ele passou por uma série de cirurgias complicadíssimas. Permaneceu seis meses internado.
"Existe muito preconceito contra os pit bulls", diz Patrícia. "O homem os incitou à violência", conta. "Muita gente, quando se depara com um deles pela rua, quer de qualquer forma maltratá-lo."

http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/1086276-ate-40-dos-animais-abrigados-enfrentam-rejeicao-na-hora-da-adocao.shtml

05/05/2012

A LUTA DE UM PIT BULL QUE SALVOU SUA DONA, DISSO NINGUÉM FALA!!

Sempre soube que estes animais são gigantes pela própria natureza,tanto seu físico como sua alma são grandiosas e esta é a verdadeira realidade da raça;pitbulls são anjos na terra,sofrem preconceito ,sofrem para nos mostrar quão pequenos somos diante deles;são amados por poucos e incompreendidos por muitos,mas estas é mais uma prova que nossa missão não é à toa,me sinto honrada de poder defendê-los da maldade gratuita dos humanos.E é por isso,que sempre lutarei por eles e uma dia Deus me capacitará para conseguir salvar mais pobrezinhos inocentes.

http://g1.globo.com/mundo/noticia/2012/05/cadela-pit-bull-perde-pata-apos-salvar-dona-desmaiada-sobre-linha-de-trem.html

06/05/2012

Preconceito com raças tidas como violentas provoca abandono

O abandono também pode ser atribuído ao preconceito sofrido por algumas raças, principalmente de animais que são considerados violentos, segundo a veterinária Tamara Leite Cortez, do Centro de Controle de Zoonoses da Prefeitura de São Paulo. “É uma coisa cíclica. Um cachorro de grande porte entra na moda e as pessoas compram. Mas esse animal cresce, e as pessoas querem se desfazer dele. Na década de 1970, era o fila brasileiro. Em 1980, o doberman. Em 1990, o rotweille. E em 2000, foi a vez do pitbull”, afirma a veterinária, comparando a mudança no perfil dos abandonos que chegaram ao CCZ nas últimas décadas. “O pitbull ainda sofre muito preconceito, mas é uma raça maravilhosa. Por causa desse preconceito, há muito abandono. E, com medo, algumas pessoas agridem os pitbulls abandonados na rua, mesmo que eles não tenham feito nada”, alega a médica Patrícia de Arruda Cancellara, de 41 anos, criadora da entidade privada Pitcão. Em 13 anos como protetora de pitbulls, Patrícia calcula ter resgatado mais de 500 animais – 250 deles foram encaminhados para adoção; os outros estão divididos em oito canis particulares. “Nunca fui mordida”, declara a médica. “Sou muito criteriosa na adoção. Investigo a vida da pessoa, entrevisto a família para saber se realmente estão dispostos, se têm outros animais, se vão cuidar bem do pitbull”, diz a médica, que já recusou pessoas interessadas em adotar os cães que resgatou. Os animais resgatados pela Pitcão passam por tratamento, são adestrados para responder a comandos básicos e são submetidos a um processo de ressociabilização, de acordo com Patrícia. Parte dos pitbulls, segundo ela, foi abandonada após perder brigas em rinhas ilegais que acontecem, principalmente, em favelas.

http://blogs.estadao.com.br/jt-cidades/preconceito-com-racas-tidas-como-violentas-provoca-abandono/

20/04/2012

Revista Ana Maria Braga

Meu amigo Pit Projeto Pitcão ajuda a resgatar cães de grande porte Annamaria Aglio Quando a gente ouve falar em pitbull, infelizmente sua fama de cão do mal supera a de cão de família. “A fama não procede, pois esses animais são obedientes e amáveis quando bem tratados, com alimentação equilibrada, passeios diários e adestramento. O problema é quando são cruzados e criados para rinhas ou lutas ilegais”, afirma a médica Patricia de Arruda Cancellara, que desde criança dedica parte do seu tempo aos animais abandonados e há três anos criou o Projeto Pitcão. Graças ao trabalho de Patrícia e de outras ativistas, aliado às doações, a entidade resgata cães de grande porte, especialmente pitbulls, em situação de risco, reabilitando-os para que sejam adotados e tenham a chance de ser felizes, e de fazer outras pessoas felizes também. Para conhecer e ajudar nesse bonito trabalho, visite o site: www.pitcao.com.br

http://revistaanamariabraga.uol.com.br/casa/pet/meu_amigo_pit.html

10/01/2013

UM PITCÃO ESPECIAL POSA COM FAMOSO NA MÍDIA -GIGANTE PELA ´PRÓPRIA NATUREZA

Pessoal,nosso pit Nino (ex-Bob) que foi adotado,posou com a nossa querida Vanessa Mesquita num ensaio fotográfico e ficou lindo!!mais uma vez venho aqui mostrar o resultado de nosso trabalho;Nino foi escolhido por é um cão equilibrado,foi adestrado e preparado para a adoção e encantou nossa musa Vanessa,que tem um coração grande e é protetora de animais ;vamos aos poucos assim,c9onscientizar as pessoas como esta raça é maravilhosa!!queria agradecer à nossa amiga Vanessa pelas lindas fotos e por dar esta oportunidade para os sofridos pitbulls e mostrar nosso trabalho!!! Vejam as fotos e depoimento dela no anexo .Ajudem nosso trabalho para que possamos ajudar cada vez mais estes cães maravilhosos e para que sofram menos preconceito !!!obrigada !!! Estamos precisando de ração e madrinhas,toda a ajuda é bem vinda!!

06/08/2014

Uma nova chance ao Pedigree Feroz

Conheça a história de paulistanos que adotaram cães com passado agressivo.

#

10/04/2015

Revista Meu Pet - Na Luta pelos Pitbulls

Matéria publicada na Revista Meu pet de maio de 2015.

#

06/05/2015

Valeu Ampara Animal e Pedigree

Amigos viemos aqui agradecer a doação de Racao para os pitcaes que estavam tão necessitados e precisando desta ajuda. Estas meninas de fibra estão sempre nos estendendo-se a mão e a somos muito gratos pelo trabalho maravilhoso que fazem ! Compartilhem esta ação e vejam a felicidade dos pitcaes! Valeu Ampara Animal e Pedigree que fazem este trabalho exemplar !!! Amigos continuem prestigiando nosso trabalho ! a ajuda de vocês é muito importante !

entre em contato